BEM-VINDO


SÊ BEM-VINDO A ESTE BLOGUE!

Tens aqui um espaço, onde poderás falar de livros, leituras, escrita e...

Poderás participar escrevendo um comentário ou enviando trabalhos, desenhos, sugestões, fotos... para o seguinte email:

beescolaeb23jacintocorreia@gmail.com

MARÇO- MÊS DA LEITURA

"Ler um livro é para o bom leitor conhecer a pessoa e o modo de pensar de alguém que lhe é estranho. É procurar compreendê-lo e sempre que possível, fazer dele um amigo." Hermann Hesse

QUERES SABER MAIS SOBRE ESTE AUTOR?

Hermann Hesse

  Biografia

Nascimento: 2 de Julho de 1877 Calw, Württemberg (Alemanha)

Falecimento: 9 de Agosto de 1962 Montagnola, Tessino (Suíça)

Escritor alemão, emigrou para a Suíça em 1912 e em 1923 naturalizou-se suíço.

 Filho de pais missionários protestantes que pregaram o Cristianismo na Índia, procurou construir a sua própria filosofia a partir da sua revolta pessoal e da interpretação pessoal das correntes filosóficas do Oriente. Em O Lobo da Estepe formula uma crítica contra o militarismo  e o revanchismo vigente na sua terra natal depois da Primeira Guerra Mundial. Esta postura corajosa tornou-o bastante popular na Alemanha do pós-guerra depois do fim do nazismo. Em 1946 ganhou o Prémio Nobel de Literatura com o livro O Jogo das Contas de Vidro.

SUGESTÃO DE LEITURA


Sebastião e os Mundos Secretos - O Cristal Dourado 
Edição/reimpressão: 2006
Páginas: 256
Editor: Edições Asa
ISBN: 9789724147024

Até chegar aos doze anos, Sebastião sempre julgou que era um rapaz como qualquer outro. Mas, nas vésperas do 12º aniversário, coisas muito estranhas começam a acontecer-lhe e ele não tarda a compreender que a sua vida vai mudar. Em breve lhe é revelado o segredo que reside no fundo do jardim; e, juntamente com esse segredo, muitas coisas mais lhe são reveladas. Entre elas, a existência da Ordem dos Cavaleiros da Esperança, a que ele, sem o saber, estava destinado, desde o seu nascimento.
As férias de Verão começaram. Mas Sebastião não poderá descansar, bem pelo contrário; porque não tardará a ser chamado pela Ordem, para participar numa inesperada guerra contra as forças da escuridão, contra o Grande Lagarto… 
Os amigos vão estar ao seu lado. Mas nem por isso a missão que lhe confiam será menos difícil ou menos perigosa.

"VAMOS GIGGLAR?"


A revista Giggle, o PNL e a RBE convidam os alunos das escolas EB 2,3 e das EB 3/S a participar no passatempo "Vamos Gigglar", através de reportagens, entrevistas ou artigos de opinião a publicar na revista.

"VAMOS GIGGLAR?"

O passatempo prevê duas categorias: participação individual e participação de grupo/turma. Os alunos interessados poderão participar com textos individuais ou colectivos em três rubricas distintas da revista:

  • Repórter X - rubrica ideal para a participação da turma: 
    reportagem sobre a localidade onde moram, sobre um museu ou um monumento, ou seja, um texto que leve as pessoas a ir visitar esse local; entrevista ou artigo sobre uma personalidade conhecida que tenha contribuído para a história da terra onde vivem. 
    Tratando-se de uma reportagem ou entrevista, propõe-se que o texto seja acompanhado de vídeo sobre o local ou sobre a personalidade abordados. 
    Nº máximo de caracteres para o texto: 2.850. 
  • Giggle Opina - rubrica ideal para a participação individual:
    artigo de opinião sobre um espectáculo, um museu, uma exposição, um filme, um cantor ou grupo musical, um CD ou DVD, um jogo de computador ou Playstation, um programa de TV, um restaurante, etc.
    Estes textos podem ser acompanhados de fotografias sobre o assunto abordado. 
    Nº máximo de caracteres para o texto: 250. 
  •  Clube do livro - rubrica ideal para a participação individual:
    artigo de opinião sobre um livro que tenham lido e cuja leitura recomendem. 
    Nº máximo de caracteres para o texto: 250 por livro.

Os quatro melhores trabalhos em cada uma das rubricas serão premiados e publicados a partir da revista de Junho (publicada no final do mês de Maio).

Os trabalhos devem ser enviados para o endereço  bibliotecas@giggle.pt  até ao dia 3 de Maio de 2009.

 PARTICIPA!

 

Lagoa de Histórias: Contos contados e recontados

No dia 10 de Fevereiro, decorreu na Biblioteca da nossa Escola a primeira sessão da Actividade “Lagoa de Histórias: Contos contados e recontados” com a Professora Helena Tapadinhas.

Esta actividade, patrocinada pela Biblioteca Municipal, foi acolhida com muito entusiasmo pelos alunos das turmas 5ºA, 5ºC, 6ºB e 6ºC.

Estes alunos irão agora desenvolver trabalhos relacionados com as histórias que foram contadas e realizar-se-á uma segunda sessão para apresentação dos mesmos no dia 27 de Fevereiro.

video

AMOR É...

Um dos temas preferidos dos nossos poetas é o AMOR.  O grande poeta português Luís de Camões escreveu um poema magnífico sobre o assunto. Delicia-te:

Amor é fogo que arde sem se ver;

É ferida que dói e não se sente;

É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer.


É um não querer mais que bem querer;

É um andar solitário entre a gente;
É nunca contentar-se de contente;
É um cuidar que se ganha em se perder.

É querer estar preso por vontade
É servir a quem vence o vencedor,
É ter com quem nos mata lealdade.

Mas como causar pode seu favor
Nos corações humanos amizade;
Se tão contrário a si é o mesmo amor?

Luís de Camões

PARTICIPA NO DESAFIO DA NOSSA BIBLIOTECA: " AMOR É...

" video

UMA TRADIÇÃO PORTUGUESA - OS LENÇOS DOS NAMORADOS






















Desde sempre, os portugueses partiram: ou para ganhar o sustento noutro lugar, ou para a guerra, ou para embarcarem em navios na aventura da Expansão. Em casa ficavam as mulheres e as crianças. 
Ora, na hora da despedida, em certas regiões do norte de Portugal, era “obrigatório” a rapariga apaixonada oferecer um lenço ao namorado. Lenço bordado por ela, com uma quadra da sua autoria. Se bordava com erros ortográficos, isso era pormenor insignificante, o que contava - e conta - são os sentimentos.  
Depois dos abraços e beijos de despedida, o rapaz levava algo que lhe faria lembrar a amada distante. Este lenço era como uma carta, mas mais bela e quase indestrutível, bordada em linho fino, no qual - quem sabe! - algumas lágrimas masculinas cairiam nos momentos de maior tristeza. As cores e as quadras desses lenços são das coisas mais bonitas do nosso património artesanal bordado, pela sua autenticidade e ternura. 
É principalmente na região do Minho que esses “lenços de namorados” têm a sua mais bela expressão. Alguns são bordados apenas a branco ou a negro, mas os mais comuns têm muitas cores e há desenhos “obrigatórios”.

Nessa linguagem secreta, fique a saber que rosa quer dizer mulher, coração é amor, lírios simbolizam a virgindade, cravos vermelhos são sinónimo de provocação, e os pombinhos significam os namorados como não podia deixar de ser. Isto, só para fazermos uma breve ideia destes sinais de amor, pois há muitos mais.

(adaptado de um texto de 
Maria Luísa V. de Paiva Boléo)
VISITA UMA EXPOSIÇÃO DE LENÇOS DE NAMORADOS  NA NOSSA BIBLIOTECA!

14 DE FEVEREIRO - DIA DE S.VALENTIM


O Dia dos Namorados começou a ser celebrado no século III, após a morte do sacerdote São Valentim.

 Na época, o imperador de Roma, Cláudio II, queria que os homens se alistassem como voluntários para a guerra, mas em função da família e dos filhos, o número de alistamento era muito baixo. Somente os solteiros se dispunham a morrer em combate. Observando isso, o imperador decretou uma lei que proibia os homens de se casarem, sob pena de morte para quem  não cumprisse a ordem. Os jovens namorados ficaram revoltados com a determinação de Cláudio. Além deles, o sacerdote Valentim também não concordava com a imposição do imperador romano e resolveu celebrar os casamentos clandestinamente. As cerimónias eram realizadas em salas com pouca iluminação, para não chamar atenção dos guardas romanos. Numa determinada noite, os soldados surpreenderam o sacerdote durante a celebração de um casamento. Os noivos conseguiram escapar, mas Valentim foi preso e condenado a morte.

Durante os dias em que esteve aprisionado, vários apaixonados passavam pela janela da cela do sacerdote e jogavam flores e mensagens dizendo acreditar no poder do amor. Uma das jovens era filha do carcereiro e conseguia visitar Valentim. No dia de sua execução, o condenado agradeceu as conversas com a amiga através de uma carta, fazendo com que muitos acreditassem que ele havia se apaixonado pela moça. Essa mensagem teria iniciado a prática dos namorados trocarem mensagens de amor. A execução do sacerdote aconteceu no dia 14 de Fevereiro do ano de 269.

São Valentim, além de proteger os namorados, é patrono dos Apicultores e também é invocado contra a Peste.

CONCURSO NACIONAL DE LEITURA - FASE DISTRITAL

As obras seleccionadas para a 2ª fase do Concurso Nacional de Leitura são:
1.  O cristal dourado, da série Sebastião e os mundos secretos de João Aguiar, Editora Asa.
2. O gato malhado e a andorinha Sinhá de Jorge Amado, Porto Editora, Texto Editora ou Dom Quixote 
3.  O amigo do computador de Maria Teresa Maia Gonzalez, Editorial Verbo

A prova  realizar-se-á na Biblioteca Municipal de Lagoa ,no dia 27 de Março (sexta-feira), pelas 15 horas.


JOGA E APRENDE!


Clica na seguinte hiperligação para jogares um jogo muito divertido sobre computadores e Internet:

CHARLES DARWIN - O PAI DA TEORIA DA EVOLUÇÃO


Queres saber mais coisas sobre Charles Darwin? Clica nesta hiperligação:
http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?headline=98&visual=25&article=387508&tema=31

BICENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE CHARLES DARWIN


Comemora-se hoje, dia 12 de Fevereiro de 2009,  os duzentos anos do nascimento de Charles Darwin, o autor da Teoria da Evolução.
Para saberes mais sobre Darwin, visita uma pequena exposição presente na nossa Biblioteca.

10 de Fevereiro - DIA DA INTERNET SEGURA

Celebra-se amanhã, dia 10 de Fevereiro, um pouco por todo o mundo, mais uma edição do Dia da Internet Segura, evento dedicado a promover uma navegação segura na Rede por parte dos cibernautas mais novos. Portugal também vai participar com diversas iniciativas.      

PARA TUA SEGURANÇA...

  • Não dês informações pessoais como a morada ou o número de telemóvel a desconhecidos.
  • Não uses o apelido no teu e-mail ou nas salas de conversa. 
  • Não abras mails e/ ou anexos de pessoas que não conheces; não acedas a páginas associadas a mensagens electrónicas, caso provenham de pessoas ou organizações desconhecidas.
  • Não aceites convites de desconhecidos.
  • Não marques encontros com ciberamigos, pois na realidade, podem não ser as pessoas que dizem ser.
  • Não faças downloads de programas de sites pouco fiáveis.
  • Não disponibilizes fotos tuas que de alguma forma possam ser mal interpretadas.
  • Não respondas a mensagens insinuantes, obscenas, agressivas ou que prometam ganhares algo com facilidade.
  •  Em caso de dúvida ou receio, fala com os teus pais ou professores!

CONCURSO INÊS DE CASTRO

1. O Concurso – Inês de Castro é uma iniciativa conjunta do Plano Nacional de Leitura e da Fundação Inês de Castro.

2. Destina-se a premiar sítios /blogues concebidos e elaborados por alunos dos  2º e 3º ciclos do Ensino Básico e do Ensino Secundário

3. As escolas podem apresentar a concurso sítios/blogues criados por um ou mais alunos sendo necessário o acompanhamento de, pelo menos, um professor.

4. O tema central dos trabalhos a apresentar a concurso é: O Romance de D. Pedro e D. Inês de Castro.

5. Só serão aceites a concurso os sítios/blogues:

a) Inscritos no Clube de Leituras http://www.clube-de-leituras.pt/;

b) Inscritos no concurso mediante Ficha de Inscrição online devidamente preenchida, no sítio PNL.

6. O conteúdo e a organização dos sítios/blogues ficam ao critério dos concorrentes.

Deverão incluir necessariamente um ou vários textos elaborados pelos concorrentes.

Poderão também incluir: Imagens (fotografias, sequências filmadas, ilustrações, etc), comentários e sugestões de livros/leitura, animações.

7. A título de exemplo, indicam-se algumas possibilidades: Reconto: o romance de D. Pedro e D. Inês de Castro; Dramatizações de episódios do romance de D. Pedro e D. Inês (filmadas e disponibilizadas no sítio/blogue); Biografias; Contexto histórico; Recomendação de livros, filmes, músicas, pinturas, esculturas ou outras obras que abordem o romance de D. Pedro e D. Inês de Castro.

8. Os trabalhos serão avaliados segundo os seguintes critérios: riqueza, correcção e clareza; conteúdo; estética; acessibilidade.

Inscrição das escolas em formulário disponível no sítio PNL de 06 de Outubro de 2008 a 27 de Março 2009

9. O Júri do concurso é constituído por: Isabel Alçada (presidente), Assunção Júdice, Leonor Riscado, Luísa Matos e Rui Veloso.

10. Os prémios a atribuir aos concorrentes, distinguidos pelo júri, serão publicitados aquando da divulgação da lista dos premiados e constarão do seguinte:

Um fim-de-semana nos hotéis do «Grupo Lágrimas Hotels & Emotions»;  Ipods;  Cheque livros.

11. As escolas dos alunos premiados receberão um cheque livro.

12. Os trabalhos premiados serão divulgados no sítio do PNL e da Fundação Inês de Castro.

FORMA UM GRUPO, CRIA O TEU BLOG E PARTICIPA!